top of page

Conhecimento Cervejeiro Com Quatro Poderes - Descobrindo o Poder da Cerveja Pilsen: Uma Jornada por sua História e Sabor

A cerveja Pilsen é um estilo que conquistou o mundo com seu sabor refrescante e seu poder de sedução. Originária da cidade de Plzeň, na República Tcheca, essa bebida dourada teve sua primeira produção em 1842 pela recém-fundada cervejaria Měšťanský pivovar v Plzni (Cervejaria dos Cidadãos de Plzeň), que mais tarde se tornaria a famosa Pilsner Urquell. O cervejeiro bávaro Josef Groll foi contratado para criar uma cerveja mais clara e palatável, em contraste com as escuras e turvas cervejas da época. Assim nasceu a Pilsen, uma cerveja de baixa fermentação, cor dourada brilhante, sabor equilibrado entre o malte e o lúpulo, e uma espuma cremosa e persistente.


De acordo com o guia de estilo de cerveja BJCP, as principais características que definem o poder da Pilsen são:

  • Aparência: Cor dourada clara a dourada profunda, com uma clareza brilhante e uma espuma branca, densa e persistente.

  • Aroma: Moderado a forte aroma de lúpulo nobre (geralmente Saaz), podendo ter um leve aroma maltado e um leve aroma de enxofre derivado do processo de fermentação.

  • Sabor: Amargor médio a alto do lúpulo, com um sabor de malte que suporta o amargor e proporciona um final seco e refrescante. O equilíbrio é em direção ao lúpulo, mas o malte deve ser perceptível em apoio.

  • Sensação na boca: Corpo médio-baixo a médio, com uma carbonatação moderada a alta, proporcionando uma sensação de crocância e frescor.


No mundo cervejeiro, a Pilsen se desdobrou em várias variações, como a German Pils, Czech Pilsner e American Pilsner, cada uma adaptando o estilo às preferências locais e ingredientes disponíveis. A German Pils, por exemplo, destaca-se pelo seu amargor mais acentuado, enquanto a American Pilsner tende a ser mais leve e menos amarga.


Uma variação importante do estilo Pilsen é a Bohemian Pilsner, que se caracteriza por um perfil maltado mais acentuado, cor ligeiramente mais escura e um amargor de lúpulo mais equilibrado. Este estilo mantém o equilíbrio entre o doce do malte e o amargor do lúpulo, com uma presença mais marcante de sabores maltados e uma carbonatação suave.


Por outro lado, a American Lager, frequentemente associada ao estilo Pilsen nos Estados Unidos, apresenta diferenças significativas. Este estilo é conhecido por sua leveza, cor mais clara e um sabor menos complexo. O amargor do lúpulo é bem mais baixo em comparação com a Bohemian Pilsner, e o perfil maltado é mais sutil, muitas vezes com o uso de adjuntos como milho ou arroz para atenuar o corpo e o sabor.


No Brasil, a confusão reina quando o assunto é Pilsen. Muitas cervejas comercializadas sob essa alcunha estão mais para uma versão diluída do estilo original, com menos corpo, sabor e amargor. Essas variações brasileiras, muitas vezes rotuladas simplesmente como "cervejas", estão longe de exibir o verdadeiro poder da Pilsen autêntica, com sua riqueza de sabores e equilíbrio perfeito entre malte e lúpulo.


Felizmente, cervejarias artesanais brasileiras estão resgatando a essência da Pilsen. Um exemplo digno de nota é a Rapsódia Parte I, da cervejaria Quatro Poderes. Esta cerveja é uma legítima representante do estilo Pilsen, trazendo para o paladar brasileiro o verdadeiro sabor dessa tradição secular. Com seu perfil equilibrado, corpo leve e refrescante, a Rapsódia Parte I é uma homenagem à originalidade e ao poder do estilo Pilsen.


Em suma, a cerveja Pilsen é um estilo com uma história rica, repleto de nuances e variações. Ao degustar uma Pilsen autêntica, como a Rapsódia Parte I, os apreciadores têm a oportunidade de saborear um pedaço da história cervejeira e sentir o verdadeiro poder dessa bebida icônica.



Commentaires


bottom of page